Resenha: Extraordinário

terça-feira, abril 07, 2015 30 Comments A+ a-


"Primeiro lugar da lista de best-sellers do The New York Times, eleito um dos melhores títulos YA de 2012 nos Estados Unidos, o premiado livro de estreia da americana R. J. Palacio traz à tona a luta contra o preconceito ao contar a história de um menino de 10 anos que nasceu com uma síndrome genética cuja sequela é uma severa deformidade facial. Narrado da perspectiva de August e também de seus familiares e amigos, com momentos comoventes e outros descontraídos, Extraordinário consegue captar o impacto que um menino pode causar na vida e no comportamento de todos, família, amigos e comunidade – um impacto forte, comovente e, sem dúvida nenhuma, extraordinariamente positivo."


Para falar a verdade, eu não gostei tanto assim do livro -não me taquem pedra plmdds-, no começo foi aquela empolgação de livro novo, sabe? Um dos problemas quando leio um livro é que muita das vezes não gosto por ele ser "comum", eu li M-U-I-T-A-S resenhas do livro antes de comprar, e todas falavam maravilhas sobre ele, acho que é por isso que me decepcionei, criei expectativas demais, então, aqui vai uma dica, nunca crie expectativas, não espere nada de ninguém ou de algo, se nada acontecer, ótimo, e se acontecer, a surpresa será melhor.


Uma das coisas que me agradou no livro, foi que temos vários pontos de vista de alguns personagens -os principais- do livro, acho que com isso o autor nos possibilitou a entender melhor o que se passava na cabeça de cada um, não só do Auggie. Basicamente, a história é a seguinte, August Pullman nasceu com um síndrome genética cuja sequela é uma deformidade facial, que lhe impôs diversas cirurgias e complicações medicas. Por isso ele nunca frequentou uma escola de verdade... até agora. Todo mundo sabe que é díficil ser um aluno novo, mais ainda quando se tem um rosto tão diferente. Prestes a começar o quinto ano em um colégio particular de Nova York, Auggie tem uma missão nada fácil pela frente: convencer os colegas de que, apesar da aparência incomum, ele é um menino igual a todos os outros.


Apesar de ter muitos pontos positivos para se ler o livro e gostar, acho que foi uma superação comum, claro que eu ri e me senti dentro da história inúmeras vezes, mas eu realmente sou chata quando se é para gostar de um livro, na verdade ele só não me prendeu, depois do calor do momento, o livro foi ficando com uma história igual, meio que caiu na rotina, talvez só eu pense assim, já que todos amaram o livro. Por mais que no final eu fiquei meio que "zzz", os preceitos do Sr. Browne me motivaram, sinceramente, eu adorei essa parte -eu entrego-.


O que me desinteressou e fez eu não gostar do livro, foi o final, acho que eu esperava algo mais surpreendente vindo daquele história, mas foi um final normal, um final feliz. Apesar disso, o livro tem ótimas citações que merecem um marcador -mesmo que eu não faça isso-. Eu acho que é uma boa história de superação, e digo sim que vale a pena ler, talvez eu que seja chata em relação a livros mesmo.

Uma shinigami que gosta de ler e é apaixonada por joguinhos, sonha em lançar um livro e um dia ir para o Japão. Fallenatica e k-popper, chora quase sempre que escuta Lie.

30 comentários

Write comentários
Dani Jardim
AUTHOR
7 de abril de 2015 15:32 delete

Ainda não li esse livro, mas ele parece ser bem legal. Não sabia que ele tinha pontos de vistas de outros personagem, isso parece ser muito bom.

Gostei do seu cantinho *-*

http://escritasnachuva.blogspot.com/

Reply
avatar
7 de abril de 2015 15:36 delete

Oi, Dani. Olha, não vou dizer que é chato, mas vale a pena ler sim! Realmente, a parte de ter vários pontos de vista faz a história fluir melhor!
Que bom que gostou, volte sempre. Beijos ♥

Reply
avatar
7 de abril de 2015 15:47 delete

Olá já vi muitas resenhas a respeito desse livro, e já vi muita gente me falando bem dele, não li ainda, e gostei de como você foi verdadeira em relação ao livro, ao dizer que ele não te prendeu, realmente pelo que li sobre ele é uma história linda, mas acredito que mesmo as histórias lindas podem ser meio maçantes.
beijos e sucesso.

Reply
avatar
7 de abril de 2015 16:06 delete

Ainda não li acredita? Apesar de não ser fã , eu gostei bastante da resenha e acabou despertando meu interesse, adorei Tb suas fotos, adoro posts criativos, bjus

Reply
avatar
7 de abril de 2015 18:13 delete

Uma pena você não ter gostado tanto da história :( Às vezes é melhor começar sem expectativas nenhuma mesmo, assim talvez você fosse gostar mais... Ainda não li o livro mas a história parece enviar uma mensagem bem legal, então tenho muita curiosidade, mas já vou ler preparada e sem esperar algo surpreendentemente maravilhoso, assim talvez eu acabe tendo uma impressão melhor :) Beijosss!

Reply
avatar
7 de abril de 2015 18:20 delete

Oi, Josielma. Realmente, também vi praticamente todas as resenhas falando bem dele, ento comprei achando que seria "O" livro, pena que não foi.

Reply
avatar
7 de abril de 2015 18:22 delete

Oi, Fernanda. Acredito sim hahaha Bem, caso tenha interesse de ler vou adorar saber a sua opinião! Fico feliz por ter gostado das fotos :D

Reply
avatar
7 de abril de 2015 18:26 delete

Pois é Ursulla, concordo, acho que se eu não tivesse esperado tanto assim do livro eu tivesse gostado mais. Se tiver a oportunidade de ler vou adorar saber a sua opinião, o livro realmente passa uma mensagem bonita, e tenho certeza que você irá gostar, eu sou muito bipolar HAHAHA

Reply
avatar
Mundo de Fany
AUTHOR
7 de abril de 2015 22:06 delete

Nossa, adorei, quero super ler!
xoxo, le <3
http://mundodefany.blogspot.com.br/

Reply
avatar
Samy
AUTHOR
7 de abril de 2015 22:17 delete

Gosto é realmente algo muito pessoal! Esse foi dos melhores livros que li em 2014 e me prendeu do início ao fim! Eu achei realmente maravilhoso e a história de superação do Auggie foi incrível, para mim. As crianças podem ser muito cruéis com outras crianças sem nenhuma deficiência, imagina então com uma criança deformada. Espero ansiosamente pelo próximo livro de RJ Palacio! :D

Reply
avatar
Bruna Diana
AUTHOR
7 de abril de 2015 23:09 delete

Eu amei o livro quando li.Mas entendo o porque de você querer esperar mais do livro,comigo aconteceu isso em :A culpa é das estrelas,todo mundo disse que eu ia chorar e eu não chorei (kkk)
Acho que o melhor é não criar expectativas mesmo:)
Canal:https://www.youtube.com/channel/UCu5c1yXRQK--7RLet5SnDVQ?app=desktop&persist_app=1
Blog:reflexoesdaminhamentedoida.blogspot.com

Reply
avatar
8 de abril de 2015 02:23 delete

Eu já tinha lido o livro e o que me chamou mais a atenção foi exatamente o que você destacou sobre os pontos de vista dos personagens. Achei bem interessante esta sacada da autora. Com relação a Augie eu achei ele um fofo, mas também compreendi que seria uma adaptação natural na vida de alguém com as limitações parecidas com a dele. Me chamou a atenção o fato de ele ser um tipo de referência para reflexão dos que convivem com ele. Meio clichê, eu sei. Mas penso que temos poucas pessoas assim em nossa sociedade. Independente de ser ou não alguém especial!!!

Linda sua resenha! Um abraço!
Pensamentos Valem Ouro

Reply
avatar
8 de abril de 2015 07:30 delete

Ainda não li o livro, embora seja MUITO bem falado. Até tenho ele ali no quarto, mas quero ler quando ninguém mais falar sobre ele rsrs Gosto da proposta do livro, dos personagens, das ideias. As citações do livro realmente são muito boas.

Reply
avatar
Catharina M.
AUTHOR
8 de abril de 2015 13:13 delete

Olá
Você é a primeira que conheço que não gostou taaanto assim do livro, eu amei por conta da história, o final me agradou muito, não achei necessário ser tão impactante porque a história em si já apresentava muito impactos, mas enfim, cada um cada um haha

http://realityofbooks.blogspot.com.br/
Catharina
Beijos

Reply
avatar
8 de abril de 2015 13:43 delete

Eu sempre tive curiosidade de ler o livro.
E na verdade até curto resenhas e tal, mas nunca crio expectativas a partir delas, não geralmente meu gosto é bem diferente do das outras pessoas.
Mas o que eu mais curti foi a sua foto, muito legal!
Beijos

Reply
avatar
8 de abril de 2015 23:12 delete

Oi Letícia, tudo bem?
Comprei esse livro pq amei o 365 dias Extraordinários, mas ainda não tive aqueeela vontade de ler...
Uma pena que vc não gostou, é bem ruim quando o livro não atinge nossas expectativas.
Bjs

A. Libri

Reply
avatar
9 de abril de 2015 09:55 delete

Acredita que ainda não li, preciso ler urgente, sei que estou perdendo uma grande leitura. A capa nesse tom de azul está linda sem contar os grandes personagens que o livro nos presenteia. beijos

Joyce
www.livrosencantos.com

Reply
avatar
9 de abril de 2015 15:10 delete

Que bom que gostou Fany!
Beijos ♥

Reply
avatar
9 de abril de 2015 15:16 delete

Oi, Samy. Realmente gosto é algo muito pessoal, fico feliz que tenha gostado e concordo que a superação do Auggie foi incrível. Obrigada pelo comentário!

Reply
avatar
9 de abril de 2015 15:19 delete

Foi isso mesmo que aconteceu Bruna, e olha para você ver, eu amei a culpa é das estrelas, não chorei também, mas não pensei que ia chorar.

Reply
avatar
9 de abril de 2015 15:23 delete

Oi, Vanessa. Muito obrigado pelo comentário, sabe, acho que na minha cabeça ia ser uma coisa hiper ultra mega legal, mas foi comum, por isso perdi o interesse, mas gostei do livro.
Um abraço!

Reply
avatar
9 de abril de 2015 15:26 delete

Oi, Augusto. Acho melhor esperar mesmo, assim você está relaxado e sem tantas expectativas sejam elas boas ou rins do livro!

Reply
avatar
9 de abril de 2015 15:29 delete

Oi, Catharina. Bem, não foi tão o fato de o final não ser tão impactante, mas diante das resenhas que li pensei que seria algo tipo "UAU"
Beijos.

Reply
avatar
9 de abril de 2015 15:33 delete

Oi, Kris. Eu acabei criando, eu procuro saber sobre o que é o livro na resenha, e acabo me influenciando pelo comentário do blogueiro!

Reply
avatar
9 de abril de 2015 15:36 delete

Oi, Angélica. Já ouvi falar do 365 dias Extraordinários, é bom mesmo? Vou procurar saber mais!

Reply
avatar
9 de abril de 2015 15:39 delete

Oi, Joyce. Leia assim que puder, vai ser ótimo, tenho certeza!

Reply
avatar
11 de abril de 2015 00:40 delete

Olá, tudo bem? ^^

Eu ainda não li e para falar a verdade, não sei se lerei. Quem sabe um dia, vamos ver.
Gostei da sua resenha e da sinceridade que apresentou nela.Parabéns pela resenha, ficou ótima!

Beijos!

Reply
avatar
12 de abril de 2015 05:30 delete

Oi Letícia!
Acho que vc foi uma das únicas pessoas que vi que não se rendeu totalmente ao livro. Eu ainda não li, mas pretendo conferir e tirar as minhas conclusões.
Beijos,
alemdacontracapa.blogspot.com

Reply
avatar
16 de abril de 2015 14:04 delete

Oie, tudo bom?
Ao contrário do que você falou na resenha, eu acho que a superação do Auggie foi enorme. Ele é uma criança que tem que aprender cedo com a maldade humana e mesmo assim consegue ser cativante e amoroso com todos. Amei a lição que o livro possui e como ele fala de uma forma interessante sobre o bulliyng.
Beijos,
http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

Reply
avatar
18 de abril de 2015 14:13 delete

Oie Leticia, já me falaram desse livro (ma sempre bem, e é legal ouvir uma opinião diferente).Tenho vontade de lê-lo algum dia, parece interessante.Muito boa a sua resenha! Bjs ^^

Reply
avatar